Minha Estante #46|Os Assassinos do Cartão-Postal

21:47:00

Título: Os Assassinos do Cartão-Postal
Autor (a): James Patterson e Liza Marklund
Páginas: 304
Editora: Arqueiro
Onde comprar: Amazon | Americanas | Extra | Livraria da Travessa | Saraiva | Submarino

Sinopse: Uma viagem para conhecer as mais belas cidades da Europa é o sonho de qualquer pessoa. Porém, o detetive da NYPD Jacob Kanon não está interessado nos pontos turísticos. Após receber a notícia do brutal assassinato de sua filha e namorado, mortos em Roma, Kanon viaja para o Velho Continente para tentar juntar pistas sobre o crime que mudou sua vida. E a onda de assassinatos está só começando: jovens casais são encontrados mortos em Paris, Copenhague, Berlim e Estolcomo.
Os crimes parecem não estar conectados, com exceção de um cartão-postal enviado para o jornal local da cidade de cada nova vítima. Quando a repórter sueca Dessie Larsson recebe um postal, Kanon junta forças com a jornalista e partem para o novo destino para tentar capturar o serial killer.

"Ser ou não ser / Em Estocolmo / Eis a questão / Entraremos em contato." (Pág. 24)


De uns meses para cá, jovens vem sendo encontrados mortos em distintas cidades europeias, todos com suas gargantas cortadas. Parece não existir qualquer conexão entre eles, algo que estabeleça uma relação entre os crimes, exceto os cartões-postais enviados para repórteres locais aleatórios poucos dias antes da descoberta de cada assassinato.

Julgando que o trabalho dos policiais e detetives europeus não está sendo bem sucedido, Jacob Kanon, um detetive de homicídios de Nova York, resolve entrar em ação. Porém, sua motivação não é apenas o serviço investigativo ineficaz da Europa: sua filha foi vítima desses criminosos. Sofrendo por essa perda, buscando, dia e noite, peças para montar esse quebra-cabeça e fazer justiça, Kanon se une à Dessie Larsson, uma jornalista que acaba de ser contatada pelos chamados "assassinos do cartão-postal" em Estocolmo, na Suécia.


Diferente de outros suspenses que eu já li, este indica já na primeira página quem são os culpados pelos crimes. Os personagens não são apresentados diretamente como os assassinos, mas suas atitudes acabam revelando essa informação de imediato. O modo como isso se desenvolveu foi muito interessante e me deixou intrigada, pois a cada parte da investigação eu imaginava que o mistério estava perto de ser resolvido e percebia que estava enganada.

Esse foi o meu primeiro contato com o James Patterson e com a Liza Marklund (a qual nunca tinha ouvido falar) e gostei da experiência, apesar de não ter certeza de que lerei outro trabalho deles em breve. A escrita de ambos é bem simples, mas não me deixou com vontade de conhecer suas outras obras. Algo que gostei bastante foi o tamanho dos capítulos. Todos são bem curtos, ocupam cerca de uma ou duas páginas, o que torna a leitura bem mais rápida.

Os Assassinos do Cartão-Postal foi o meu segundo contato com o gênero romance policial, mas acho que valeu como primeiro, já que o primeiro de fato aconteceu com um livro de contos da Agatha Christie e não é tão simples acompanhar o processo de investigação do querido Poirot. Gostei muito de participar da busca por pistas junto com Jacob e Dessie. Os perfis dos assassinos são bem intrigantes e algumas coisas que os envolvem me surpreenderam. Com certeza pretendo ler outros livros desse tipo. Se você curte romances policiais, fica aqui a recomendação. 

"- Lendas... - disse ela. - Sempre morrem jovens. Mas nós não." (Pág. 48)

Vocês já leram Os Assassinos do Cartão-Postal? O que acharam dessa história? Me contem nos comentários! 
Beijos e até amanhã! 

♥ Banco de Séries | Facebook | Filmow | Goodreads | Instagram | Skoob | Twitter | YouTube ♥



Está rolando sorteio! (link na barra lateral do blog)

You Might Also Like

2 comentários

  1. Esta capa sempre me chamou muito a atenção, mas nunca consigo me empolgar ao ponto de querer lê-lo, entende? Contraditório, eu sei! hehehe
    Bbeijinhos,
    Alice
    www.wonderbooksdaalice.com

    ResponderExcluir
  2. Adoro o James Patterson e leria qualquer coisa que ele tenha feito parte na escrita hahaha
    Nunca tinha visto esse livro, mas a estória parece muito legal!!

    Beijos!
    www.ooutroladodaraposa.com.br

    ResponderExcluir

Não vai sair sem deixar um comentário, né? Sua opinião é muito importante para mim.
Por favor, deixe o link do seu blog no final do comentário, assim poderei retribuir a visita.
Obrigada. Volte sempre!

Layout por Gabrielle Oliveira. Tecnologia do Blogger.

Twitter

@blogfrasesperdidas

Subscribe